#compartilhe

Gleisi Hoffmann: “Só Lula pode devolver a estabilidade ao país”

Publicada em 11/06/2018, 14:05

Full gleisi

Na última sexta-feira, o PT lançou oficialmente a pré-candidatura do ex-presidente Lula. Como ele afirmou em manifesto ao povo brasileiro, é uma candidatura para acabar com o sofrimento do povo e reconstruir o País, destroçado pelo golpe de 2016. Somente Lula é capaz, hoje, de promover o reencontro do Brasil com os brasileiros. Somente ele pode nos dar uma perspectiva de estabilidade num ambiente democrático.

Pesquisa após pesquisa, o nome do ex-presidente Lula continua disparado na liderança, com mais votos do que todos os adversários somados. E nos cenários em que seu nome é excluído – o que é uma aberração, pois ele mantém seus direitos políticos – o eleitor se recusa a votar em outro candidato. Foi o que se viu, mais uma vez, no Datafolha do fim de semana.

Dois meses depois de sua prisão, injusta e ilegal, Lula mantém intacto seu capital político, porque ele se firma em bases sólidas. O Brasil tem muito viva a lembrança de um governo em que a vida melhorou para todos, principalmente para os trabalhadores e os mais pobres. Exatamente o contrário do que vem acontecendo ao longo do governo golpista, que destrói direitos e conquistas.

A cada dia fica mais claro que o Brasil não cabe no modelo econômico que está sendo implantado pelo golpe: menos emprego, menos renda, menos programas sociais e o fim da soberania, em nome dos interesses do mercado, dos rentistas, das multinacionais.

É esse programa ultraliberal que está na raiz da crise econômica, social e política que o país está vivendo. Qualquer candidato ou partido que se identifique com ele será rejeitado nas urnas. E somente Lula representa a certeza de que o Brasil pode voltar a ser um país para todos.

Em sua sabedoria, o povo está apontando o caminho: Lula Presidente. Por isso, o PT cumpre seu dever de sustentar a candidatura e trabalhar por uma coligação com o PSB, o PCdoB e outros partidos em torno de Lula. Vamos até o fim, porque esta é também nossa responsabilidade para com o País.

Gleisi Hoffmann é senadora (PT-PR) e presidenta nacional do Partido dos Trabalhadores.

Por Blog do Esmael Morais

 

Fonte: pt.org.br


Veja mais

Thumb geisa4

Artigo

Gleisi Hoffmann: “O pacto democrático está rompido”


Thumb lulaeglelsiiiiii

Favoritismo

Gleisi: Porque Lula cresce nas pesquisas


Thumb cultura do estupro e1464284772605

Artigo para reflexão escrito por Madallena Noronha e Zenaide Lustosa, ambas do Coletivo de Mulheres do PT

A cultura do estupro: negligência do poder público e banalização da sociedade


Thumb geisa5

Artigo

Gleisi: Como não ser atingida(o) pela Reforma da Previdência do Temer


Thumb gustavo

Artigo

Proposta “amenizada” de Reforma da Previdência, mais uma mentira do governo


Thumb pt3

Perseguição

Governo Bolsonaro nem começou e já anuncia era de tragédias


Thumb gleysi

Reforma Trabalhista

Reforma Trabalhista: "Melhorou para quem? Para o povo é não foi!"


Thumb geisa9

Artigo

Deputada Jandira Feghali: “A nossa virada”


Thumb geisa3

Artigo

Nota da defesa de Lula sobre venda do triplex por Sérgio Moro


Thumb mobi3

Artigo

Vicentinho: “Ataque aos sindicatos”


Thumb pt7

Artigo

Gleisi: “O povo quer Lula livre, Lula presidente!”


Thumb 7

Artigo

Gleisi Hoffmann: Os cães ladram e a caravana segue


Thumb geisa7

Artigo

Silvio Luís Ferreira da Rocha: O Juiz e a construção dos fatos


Thumb rui falcao

Rui Falcão: Novembro de lutas contra o governo golpista


Thumb rui falc o

Rui Falcão: Governo usurpador, um mês de retrocessos


Thumb julgamento

Julgamento

Tempo recorde para julgar Lula: Justiça ou perseguição?


Thumb geisa5

Artigo

Júlio Miragaya: “Lula, a Bolsa e o salário mínimo”


Thumb pt5

Artigo

A resistência vem da luta e da unidade dos Movimentos Sociais


Thumb gleissi

Votação

Gleisi Hoffmann: Recuo na Reforma da Previdência evidencia rejeição aos golpistas


Thumb pt6

Artigo

Gleisi Hoffmann: A quem interessa uma intervenção na Venezuela?


Thumb pt7

Artigo

Luiz Eduardo Soares: Porque voto em Fernando Haddad em 2018